quinta-feira, 14 de junho de 2012

Inovação do Crato!

Até aqui todos os Ministros da Educação que conhecemos foram mentecaptos que tivémos de aguentar como Nuno Crato demonstrou na obra O 'Eduquês' em discurso directo - Uma Crítica da Pedagogia Romântica e Construtivista.

Li com interesse o livro, e como muitos, dei-lhe crédito quando chegou a Ministro.

Por exemplo, reconhecia-me completamente em passagens como esta:
  • (...) em vez de ser dada liberdade nos processos e ser controlado o resultado, o Ministério tem pretendido controlar os processos e esquecer os resultados.
    (p. 57)
Mas afinal o que está a fazer Nuno Crato, quando muda o cabeçalho dos exames, incluindo um novo campo para o número de folhas, quando já havia e coexistirá com este elemento o número de páginas?

Estamos a brincar com o cabeçalho? Que relevância tem aquela "informação"?

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...