sábado, 16 de outubro de 2010

Portugal: O país mais pobre da Zona Euro, com o rendimento pior distribuído e os maiores gatunos

Fonte: EUROSTAT, Country Profiles.


Apenas até 1999 os fundos provenientes da CEE asseguraram a convergência da economia portuguesa com a média europeia, tomando como referência o PIB per capita. Em 2000 iniciou-se o actual processo de divergência.

Um aspecto que os políticos e a imprensa não referem é a gritante desigualdade na repartição do rendimento em Portugal. Somos o país com o rendimento pior distribuído da Zona Euro. Na Europa, pior repartição apenas se verifica na Roménia, Bulgária ou Letónia.


Fonte: EUROSTAT, Coeficiente de Gini.

NOTA: Quanto mais elevados se apresentam os valores do coeficiente de Gini, maior será a desigualdade. (Explicação)

Utilizando os dados da ONU, Portugal está ao nível do Irão ou do Benin em termos de repartição do rendimento. Estamos a 0.9 pontos da Indonésia!  (ver ficheiro *.pdf construído a partir do site da ONU).

Com o Orçamento de Estado aprovado para 2011 certamente que passaremos a viver num país de maior injustiça social, porque aumentaram os impostos indirectos, socialmente mais penalizadores dos menos favorecidos. Por exemplo, o IVA não toma em consideração a situação específica dos contribuintes. E o célebre corte das despesas foi a decapitação daquilo a que se chamava "Estado Social", pois todas as suas rubricas sofreram cortes superiores a 10%: Segurança Social, Saúde e Educação sofrem maiores cortes.

  • O Ministério da Educação é o segundo mais atingido com cortes no orçamento para 2011, que sofre um decréscimo de 11,2% face à estimativa para este ano, para os 6.391,1 milhões de euros.
    "A diminuição verificada no ME resulta do efeito conjugado da aplicação das medidas generalizadas de redução de despesa, da poupança que se pretende atingir pela aplicação das cativações previstas na lei, bem como das medidas de política sectorial implementadas e a implementar", esclarece o documento.
    Diário Económico

Somos governados por gente que se governa a si própria.


Muitos manifestam-se através da rede, e prova disso são os mails de protesto que têm invadido a minha Inbox. Como prova dessa resistência deixo aqui alguns anexos:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...