quinta-feira, 25 de junho de 2009

Neda: ícone de um novo Mundo


  • Para o Irão, os responsáveis pela morte de Neda, cuja morte filmada e divulgada na Internet a tornou símbolo dos actuais protestos anti-governo que agitam as ruas de Teerão, serão "grupos que querem criar divisões no povo" e planearam a sua morte para "acusar a República Islâmica de lidar sem piedade com a oposição", informou a agência noticiosa estatal do país (IRNA).
    MAIS


Os jornais, as rádios e as cadeias de televisão, em resultado da concorrência, reduziram os custos tão "racionalmente" que nenhum jornalista ficou destacado para cobrir as eleições no Irão. Felizmente, este campo de batalha abandonado pelos meios de comunicação social convencionais, foi ocupado pela Internet, que permitiu às pessoas expressarem-se pelas ferramentas da Web 2.0, designadamente utilizando o Facebook, o Twitter e o YouTube.

Este acontecimento é também relevante quando se pensa na censura. É que os largos milhares de tweets produzidos num dia por numerosos particulares, tal como os seus posts no Facebook não podem obviamente ser objecto de "controlo prévio".

Sem dúvida que as imagens se propagaram viralmente pela Internet graças ao YouTube. Neda ficará para a história da Internet como um ícone de vitória da comunicação social viral, feita pelo cidadão comum através das redes sociais.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...