domingo, 3 de maio de 2009

Medina Carreira critica a escola-depósito



Eis alguns extractos da entrevista:

  • O que vai derrotar a democracia de 76 é a economia.

    Estamos a viver acima das possibilidades, consumindo 111 € por cada 100 € de produção, agravando o endividamento.

    A escola é inclusiva se as pessoas estão lá para aprender. Se não estão aprender têm que ir para outro sítio…. Mete-se toda a gente num estádio de futebol a dar pontapés na bola! Mas na escola só pode estar quem queira aprender. O ensino em Portugal é uma intrujice cara e depois inverte-se isto. Vamos avaliar os professores, nem sei porque critério, no estado em que aquilo está parece-me que é uma tontice, mas não se avaliam os alunos. Isto tem pés e cabeça? Isto é de uma sociedade de gente com juízo?


O resto parece resumir-se a que o grande problema da democracia são os partidos, porque no nosso regime estes servem-se do Estado em vez de servir o país.

Um comentário:

António disse...

Chamem-lhe "bota-abaixismo", se quiserem, mas este Medina Carreira lava-me alma!
É um homem desassombrado, sem nada a perder. Diz o que pensa sem cálculos de qualquer espécie. Que tenha muitos anos de vida para nos ir ajudando a manter acordados!
Já tinha postado outras entrevistas dele no Interactic, mas esta passou-me.
Obrigado pelo post, José.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...